Bolha ou pára-brisa

Projetos de customização e acessórios

Moderadores: Colaboradores, Administradores, Moderadores

Responder
Avatar do usuário
Matheuzi
Mensagens: 23
Registrado em: 20 Jul 2011, 13:15
Localização: Ilha Solteira
Contato:

11 Nov 2012, 15:01

Bom, eu vou dar uma olhada aqui ainda, mas nada me parece muito promissor =/ , de fato a bolha causa uma maior resistência com o ar caso, o que pode interferir na velocidade, mas eu particularmente gosto muito de ter uma bolha, ajuda muito em viagens devido a quebra do ar que vem direto no peito

Avatar do usuário
Matheuzi
Mensagens: 23
Registrado em: 20 Jul 2011, 13:15
Localização: Ilha Solteira
Contato:

19 Fev 2013, 13:17

Salve ai galera!
Então, comprei uma bolha Otuky Air Jet 700 para a minha Shadow , é basicamente uma Bolha Universal
Imagem
Particularmente achei que ficou bem bacana, os suportes cromados tambem ajudam a ficar mais bonito, e sua inclinação ao termino superior da bolha melhora bastante a turbulencia no capacete. É uma bolha não tão grande
Altura : 44,5 cm
Largura : 39 cm
e com um preço de 190 Reais, e é facil de se retirar, da um trabalhinho acertar ela, mas nada complicado, outra vantagem tambem é que é possivel retirar ela rapidamente (fica apenas as presilhas no guidom ).

Bom é isso ai gente, só passando pra deixar aqui o que eu achei por um preço relativamente mais barato, visto que muitas bolhas por ai custam uns 300 Reais pra mais

Avatar do usuário
mgandra
Mensagens: 421
Registrado em: 15 Abr 2012, 14:36
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

21 Fev 2013, 16:13

Galera, venho informar que meu para brisa não deu certo comigo. Depois da segunda viagem com ele nstalado percebi mesmo que a partir de 100 km/h a turbulência fica grande no capacete e em 110 á está insuportável.

Ou seja, meu para brisa é muito pequeno para mim. Acho que terei mesmo que comprar um grandão, que também diminuirá a turbulencia para minha garupa. Atualmente tenho um da Givi, A600 Universal. Se alguém quiser sugerir um grande para minha Velma, será bem vindo!
Mario Gandra

Ah, esse vento....
libera te tutemet
https://www.facebook.com/historiasdemadalena

Wilson Silva
Mensagens: 13
Registrado em: 04 Ago 2012, 23:14
Localização: Belém
Contato:

30 Mar 2013, 11:21

Russo,
Muito legal suas dicas, mas, fiquei com uma dúvida quanto aos tamanhos... Quanto em cm seria uma bolha média ou grande?

Grato,

Wilson Silva
Belém/PA
Russo escreveu:Ae Kamerads:

Disso eu entendo um pouco, pois sou adepto das "bolhas" desde 2001 e já experimentei vários modelos. Atualmente, tenho 4 delas em casa, de diversos tamanhos.

Para uso na cidade, a bolha tem função praticamente estética, mas ajuda um pouco nas localidades em que faz frio e garoa... se bem que nessas circustâncias alguns "motociclistas" preferem deixar a moto em casa e sair com o carro, eheheheh...

Já na estrada, a conversa é outra. A bolha ou parabrisa ajudam prá caramba. Já fiz diversas viagens, todas percorrendo distâncias superiores a 1.000 km (ida e volta), com várias "configurações" diferentes:

- sem bolha ou parabrisa;
- com parabrisa grande;
- com bolha ou parabrisa médio;
- com bolha pequena.

O que eu aprendi com essas experiências:

- sem bolha: não rola viajar, é extressante demais. Depois de uns 200 km os braços ficam mais doloridos por suportar o vento no peito, principalmmente se viajar contra o vento. O capacete, a viseira, as luvas e a jaqueta viram "cemitério de mosquito".

- bolha grande: igualmente ruim, proteje contra o vento, chuva fina e insetos, porém gera turbuência, deixando a frente da moto instável, exigindo uma pilotagem muito mais cautelosa. Além disso, nas motos com menos de 50cv ela funciona como um "freio-aerodinâmico", segurando a moto, principalmente quando se está contra o vento. Ao meu ver são indicadas para as custom "parrudas", que são pesadas o suficiente para não ficarem instáveis e potentes o suficiente para vencer a resistência aerodinâmica.

- por fim as bolhas (pequenas) os os parabrisas (médios): esses são os melhores para viagem, pois proporcionam boa proteção contra o vento, insetos e chuva leve e, ao mesmo tempo, não favorecem a aerodinâmica.

A função da bolha ou do parabrisa médio é desviar o fluxo de ar para os lados e principalmente para cima, direcionando o fluxo de ar para o capacete (ele que se vire, eheheh...) daí a importância de viajar com um capacete bom.

A maneira mais adequada de instalar a bolha é instalá-la de forma a que ela fique "paralela" à suspensão dianteira, mantendo um ângulo de inclinação o mais próximo possível do ângulo de inclinação das bengalas.

Para diminuir as turbuências na parte inferior da bolha ou parabrisa, é importante que a distância da base da bolha ao copo do farol seja próxima dos 2 cm. Distâncias maiores ou menores geram mais turbulências.

Uma dica útil: Sempre encere a bolha ou parabrisa. Pode utilizar a mesma cera que usa na moto. Isso facilita o escoamento da água da chuva e ajuda, depois, na remoção dos cadáveres dos insetos.

beryalves
Colaborador
Mensagens: 1899
Registrado em: 25 Mar 2010, 10:22
Localização: Serra
Contato:

01 Abr 2013, 11:10

Russo, fiz uma viagem de Vitória-ES a Prado-BA (440 km), foi a viagem inteira contra o vento (forte), quando cheguei, até copo de cerveja parecia um barril de chope, moral da história, se bolha média ou pequena gera turbulência no capacete então o pescoço vai sofrer igual aos meus braços, daí, que diferença faz isso tudo, ou o braço ou o pescoço?
Abs,
Luiz Alves
Nosso brejo, sua casa.
Imagem

Avatar do usuário
Russo
Mensagens: 1191
Registrado em: 19 Mar 2008, 23:12
Localização: Curitiba
Contato:

01 Abr 2013, 14:36

beryalves escreveu:Russo, fiz uma viagem de Vitória-ES a Prado-BA (440 km), foi a viagem inteira contra o vento (forte), quando cheguei, até copo de cerveja parecia um barril de chope, moral da história, se bolha média ou pequena gera turbulência no capacete então o pescoço vai sofrer igual aos meus braços, daí, que diferença faz isso tudo, ou o braço ou o pescoço?
Não entendi: você viajou com ou sem bolha na motoka?
Wilson Silva escreveu:Russo,
Muito legal suas dicas, mas, fiquei com uma dúvida quanto aos tamanhos... Quanto em cm seria uma bolha média ou grande?

Grato,

Wilson Silva
Belém/PA

Minha ex-883C com parabrisa grande
Imagem

minha Mirage 250 com bolha média (GIVI)
Imagem

minha ex-883C com bolha pequena (da VMAX)
Imagem
" A smooth sea never made a skilled mariner "

Avatar do usuário
Manenti
Mensagens: 285
Registrado em: 01 Abr 2011, 13:54
Localização: Curitiba
Contato:

03 Abr 2013, 08:28

Dai Russo, blz, cara voce sabe me dizer as medidas, em cm, desses parabrisas que vc citou, pois troquei de moto e a moto que peguei vem com parabrisas, porem achei que vibra muito o capacete quando andando em velocidade acima de 80km.

Grande abraço.
Mateus Manenti / M.C. Musculos do Asfalto

Avatar do usuário
Russo
Mensagens: 1191
Registrado em: 19 Mar 2008, 23:12
Localização: Curitiba
Contato:

03 Abr 2013, 09:27

Manenti escreveu:Dai Russo, blz, cara voce sabe me dizer as medidas, em cm, desses parabrisas que vc citou, pois troquei de moto e a moto que peguei vem com parabrisas, porem achei que vibra muito o capacete quando andando em velocidade acima de 80km.

Grande abraço.
Ae Kamerad... acho que vibração não tem muito a ver com o tamanho do parabrisa e sim com a instalação do mesmo.

A 80 km/h um parabrisa, grande ou pequeno, simplesmente não pode vibrar. Se isso ocorre pode ser por causa da inclinação errada ou da fixação inadequada.

Prá você teri idéia, com aquele parabrisa grande, o que aparece na primeira foto acima, eu cheguei a 175 km/h com a Sportster (158 reais pelo GPS) e à 220 km/h com a Softail (208 reais pelo GPS).


Imagem
Imagem
" A smooth sea never made a skilled mariner "

Avatar do usuário
mgandra
Mensagens: 421
Registrado em: 15 Abr 2012, 14:36
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

04 Abr 2013, 11:55

Camarada Russo e demais.

Tenho uma Mirage 250 com o para-brisa médio da Givi. Igualzinho a tua! Nas minhas viagens, sofri com a turbulencia gerada em meu capacete quando eu chegava perto de 100km/h (com vento contra) ou 110km/h (sem vento contra). Acho que devo ser alto demais para essa bolha em minha moto.

A idéia do para brisa é gerar uma bolha de ar, desviando o vento do piloto. Mas tem que desviar por completo do piloto. Não adianta desviar do peito e direcionar para a cabeça, pois isso vai gerar uma grande turbulencia que pode te deixar meio tonto.

Realmente, os para brisas grandes levam a uma maior instabilidade dianteira, mas no meu caso iria tirar a turbulencia da minha cabeça.
Mario Gandra

Ah, esse vento....
libera te tutemet
https://www.facebook.com/historiasdemadalena

Avatar do usuário
Russo
Mensagens: 1191
Registrado em: 19 Mar 2008, 23:12
Localização: Curitiba
Contato:

04 Abr 2013, 13:20

mgandra escreveu:Camarada Russo e demais.

Tenho uma Mirage 250 com o para-brisa médio da Givi. Igualzinho a tua! Nas minhas viagens, sofri com a turbulencia gerada em meu capacete quando eu chegava perto de 100km/h (com vento contra) ou 110km/h (sem vento contra). Acho que devo ser alto demais para essa bolha em minha moto.

A idéia do para brisa é gerar uma bolha de ar, desviando o vento do piloto. Mas tem que desviar por completo do piloto. Não adianta desviar do peito e direcionar para a cabeça, pois isso vai gerar uma grande turbulencia que pode te deixar meio tonto.

Realmente, os para brisas grandes levam a uma maior instabilidade dianteira, mas no meu caso iria tirar a turbulencia da minha cabeça.
Ae Kameraden...

Vamos lá, de novo: a finalidade da bolha ou parabrisas é gerar um fluxo de ar que desvie o vento do peito do piloto, para cima, para o capacete.
O para brisa da moto não é como parabrisa de carro. Ele tem que ficar mais baixo que a linha de visão do piloto, ou seja a cabeça do piloto tem que ficar acima do topo da bolha ou parabrisa.
Se a turbulência no capacete é grande demais a ponto de incomodar o piloto, as causas podem ser:

1. capacete inadequado, provavelmente grande demais, ai não tem jeito, o capacate vai balançar mesmo. Muita gente não atenta para um detalhe importante: os capacetes laceiam internamente com o passar do tempo. O cara compra um capacete novo, justinho e após algum tempo de uso, as espumas internas perderam densidade e o isopor achatou, ai o capacete não fica mais firme na cabeça;

2. Angulo e/ou altura da bolha inadequados: às vezes o cara instala a bolha, olha e acha que ficou bom. Tem que testar e é pra isso que a maioria das bolhas tem regulagem. Quando eu tinha a minha Teneré 250, a turbulência da bolha incomodava muito e ela não tinha regulagem. Acabei tendo que modifiquer o suporte original da bolha de forma a obter um pouco mais de altura e inclinação e o problema desapareceu; o que o piloto tem que fazer é testar várias regulagens até encontrar a melhor;

3. O cara tem "pescoço de frango"... ai, ou vai fazer musculação ou desiste de andar de moto e compra um carro com ar condicionado e vidros elétricos, eheheheh...
mgandra escreveu: Realmente, os para brisas grandes levam a uma maior instabilidade dianteira, mas no meu caso iria tirar a turbulencia da minha cabeça.

A minha Mirage 250, com bolha GIVI, tamanho médio, não apresenta problemas de instabilidade rodando 8ntrr 80 e 120 km/h. Tem que ver se a sua moto não está com algum problema na roda (pneu desgastado, rolamento, balanceamento, etc).


Ah, mais um detalhe importantíssimo: numa moto com bolha ou parabrisa sempre vai ter mais barulho no capacete. Esse ruido adicional é normal, é causado pela turbulência e até que se acostume com ele, causa um certo desconforto auditivo, mas só.
" A smooth sea never made a skilled mariner "

Responder
  • Informação
  • Quem está online

    Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitante