Divulgação de Motos Roubadas

Assuntos diversos relacionados ao motociclismo

Moderadores: Moderadores, Colaboradores, Administradores

Responder
cros
Moderador
Mensagens: 10353
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

26 Mar 2012, 18:58

26/03/2012 - 16h56
Roubo de veículos cresce 17,5% na cidade de São Paulo
PUBLICIDADE

DE SÃO PAULO

Os casos de roubos de veículo na cidade de São Paulo subiram 17,5% em em fevereiro, em comparação ao mesmo mês do ano passado. O roubo é registrado quando há ameaça à vítima.

Veja ruas mais visadas por ladrões de carro em SP

Os dados foram divulgados nesta segunda-feira pela SSP (Secretaria da Segurança Pública). Foram 3.541 veículos roubados em fevereiro deste ano contra 3.013 em 2011 --528 casos a mais.

Reportagem da Folha antecipou os dados na semana passada e apontou em quais ruas ocorreram mais roubos nos dois primeiros meses do ano --informações não divulgadas pela secretaria. Segundo o levantamento, a avenida Sapopemba, na zona leste da cidade, lidera os casos.

Os casos de furto de veículo --quando não há ameaça ou a vítima não está presente-- ficaram estáveis, com ligeira queda. Foram 3.470 casos em fevereiro deste ano contra 3.560 no ano passado, um decréscimo de de 2,5%.

ESTADO

Em todo o Estado, o aumento nos roubos foi de 17,7%, com 7.054 casos neste ano ante 5.992 no ano passado --foram 1.062 casos a mais. Entre os furtos, a variação foi irrisória: passou de 8.620 para 8.587 casos. Os 33 carros a menos representam queda de 0,4%.

A SSP afirma que o combate à receptação de veículos roubados e aos desmanches clandestinos são uma das ações estratégicas da polícia para coibir este tipo de crime.

A pasta diz ainda que as polícias Civil e Militar localizam e devolvem aos proprietários metade dos veículos roubados ou furtados no Estado.

"Nos últimos dez anos, a frota estadual cresceu 83%, de 12 milhões para 22 milhões de veículos. No período, o número de veículos roubados ou furtados no Estado caiu 20%, de 16.738 casos, em janeiro e fevereiro de 2001, para 13.469, este ano", afirmou a SSP, em nota.
Imagem
Hoje Falcon 2007
P.H.
Administrador
Mensagens: 1589
Registrado em: 22 Jun 2007, 13:37
Localização: Jundiaí
Contato:

04 Jul 2012, 16:37

Procurei aqui no fórum e não achei, mas algúem conhece esse site : cadastro.motoroubada.com.br
Mirage Bobber à caminho !
cros
Moderador
Mensagens: 10353
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

12 Ago 2012, 10:08

12/08/2012 - 06h00
Motos caras viram alvo de ladrões nas marginais Tietê e Pinheiros

Paulo Pereira de Paula, 49, rasgava o asfalto da marginal Tietê, em cima de sua moto esportiva, uma Honda CB 1.000R, de R$ 40 mil, quando quatro ladrões o cercaram.

Era noite do dia 4, sábado retrasado, e Paula, experiente delegado da Polícia Civil de SP, voltava de um passeio no interior. Ele trabalhava na delegacia de combate ao tráfico em Guarulhos (Grande SP).

Obrigado a parar sua moto em plena marginal Tietê, o policial foi baleado no rosto e abdômen, assim que desceu do veículo. Os ladrões fugiram sem levar a moto do policial, que morreu. Até agora, o crime não foi esclarecido.

Na tentativa de evitar ataques de ladrões especializados em roubar motos esportivas e caras, donos dos modelos mais visados apelam até para a internet, onde criaram sites para fazer alertas sobre quais pontos de São Paulo são os mais perigosos.

As chamadas "blacks lists" (listas negras) servem também para relatar os roubos sofridos pelos donos das esportivas, como os ladrões fizeram o piloto parar e até mesmo um cadastro em que a vítima coloca tudo sobre a moto levada, desde a placa até o chassi, passando por acessórios personalizados.

Como se fosse uma central de dados de inteligência de qualquer polícia, os cadastros particulares das vítimas de ladrões especializados em motos esportivas têm os dados de contato de quem foi atacado. A esperança sempre é a de que alguém veja a moto em circulação e avise.

O economista E.J., 33, é um dos usuários dos sites que reúnem as vítimas que tiveram suas motos levadas nas grandes vias do entorno ou que cortam São Paulo.

Levada em junho de 2010, a Honda Hornet do economista até hoje não foi encontrada pela polícia.

Ele foi atacado na mesma região na marginal Tietê em que o delegado Paulo Pereira de Paula foi morto, no último dia 4, perto da ponte do bairro do Limão, na zona norte paulistana.

Assim como o delegado Paula, o economista também voltava de um passeio no interior, diversão bastante comum entre os donos das esportivas, que se reúnem em grupos para aproveitar as estradas no interior do Estado.

"Ao frear para entrar na pista local [da Tietê] ouvi alguém acelerando ao meu lado. O garupa estava com uma arma apontada para mim", disse o economista, que, por questão de segurança, preferiu não se identificar.

"Parei em uma rua na qual eles mandaram eu entrar. Tinha medo de ser baleado. Assim que pegaram a moto, me mandaram sair andando. Pensei que tomaria um tiro nas costas e me escondi atrás do poste. Foi aí que eles partiram", continuou.

250 KM NA FUGA

Um ano antes desse roubo na marginal Tietê, o economista havia escapado de outro ataque de ladrões que queriam sua Suzuki Srad 1.000 cilindradas.

Ele estava na rodovia Castello Branco, perto de Alphaville, quando teve de acelerar a 250 km/h, no acostamento, para driblar os ladrões, que estavam em duas motos.

Assustado com a tentativa de roubo, o economista vendeu a Suzuki e, como parte do pagamento, recebeu a Hornet, a mesma roubada um ano depois. (ANDRÉ CARAMANTE)

Imagem

Folha
Imagem
Hoje Falcon 2007
RenanSP
Mensagens: 1063
Registrado em: 15 Jun 2011, 18:32
Localização: São Paulo
Contato:

06 Set 2012, 21:22

Somente em Sao Paulo mesmo para acontecer isso , numa via pública, em plena luz do dia, todo mundo vendo, é assustador:

http://www.youtube.com/watch?v=yHMM-ZwC ... e=youtu.be


Notícia que saiu no G1:

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2 ... em-sp.html
torresbeto
Mensagens: 609
Registrado em: 27 Jun 2012, 20:57
Localização: São Paulo
Contato:

22 Set 2012, 10:17

Povo, estive essa semana na Gen. Osorio para comprar alguns acessorios e peças para a minha moto, e vi uma coisa que me deixou pasmo e triste


numa daquelas ruas adjacentes da general, uma Mirage 250 sendo depenada, em uma daquelas lojas de qualidade duvidosa, que a gente que é daqui de SP sabe muito bem do que se trata...

Enfim, me deixou triste demais saber que o dono daquela moto deve estar chorando até agora enquanto esses caras depenam a moto ao ar livre sem pudor nenhum.
Não importa qual a sua moto, o vento é o mesmo para todos!
Imagem
RenanSP
Mensagens: 1063
Registrado em: 15 Jun 2011, 18:32
Localização: São Paulo
Contato:

23 Set 2012, 13:55

torresbeto escreveu:Povo, estive essa semana na Gen. Osorio para comprar alguns acessorios e peças para a minha moto, e vi uma coisa que me deixou pasmo e triste


numa daquelas ruas adjacentes da general, uma Mirage 250 sendo depenada, em uma daquelas lojas de qualidade duvidosa, que a gente que é daqui de SP sabe muito bem do que se trata...

Enfim, me deixou triste demais saber que o dono daquela moto deve estar chorando até agora enquanto esses caras depenam a moto ao ar livre sem pudor nenhum.
Putz...

Isso me faz repensar quanto ao seguro....

Alías, tenho visto muitas donos mirages na rua, muito mais do que ano passado e retrasado.
Camila Roethig
Mensagens: 60
Registrado em: 01 Ago 2012, 03:12
Localização: São Paulo
Contato:

04 Nov 2012, 22:17

Acho q o tópico é este mesmo, moderação se eu estiver no local errado, desculpe-me.

Gente, li tudo, acho q é aqui q cabe minha pergunta:
a Intruder, por ser 125cc, deve ser muito roubada não? O meu maior medo é levar um enquadro, já vi 4 vezes na avenida perto de casa. Eu fiquei c/ medo, imagina os donos das motos. Imagino se fosse eu...

Alguém poderia indicar, por favor, lojas de capacetes na General Osório, q não sejam do roubauto?
Minha mãe me lembrou hj: há + ou - 1 ano e meio um vizinho nosso, motoboy na época, foi roubado a 3 quadras daqui de casa. Além da moto, quase deixaram ele pelado: jaqueta, capacete, galocha, mochila, luvas, tudo. Fico tensa em comprar uma jaqueta da Alpinestars, acho q vou dar um jeito de tapar os logotipos. Uma colega de trabalho, q mora aqui perto no Jd. Carumbé, Z/N de São Paulo, me alertou q usar jaco da Alpinestars e luva da Tutto é pedir p/ ser assaltada... Bom, quero comprar essas coisas em lugares corretos, sei q a General tem tudo, mas sou novata, ainda não sei separar o joio do trigo.

Obrigada desde já gente!
torresbeto
Mensagens: 609
Registrado em: 27 Jun 2012, 20:57
Localização: São Paulo
Contato:

05 Nov 2012, 07:29

Camila Roethig escreveu:Acho q o tópico é este mesmo, moderação se eu estiver no local errado, desculpe-me.

Gente, li tudo, acho q é aqui q cabe minha pergunta:
a Intruder, por ser 125cc, deve ser muito roubada não? O meu maior medo é levar um enquadro, já vi 4 vezes na avenida perto de casa. Eu fiquei c/ medo, imagina os donos das motos. Imagino se fosse eu...

Alguém poderia indicar, por favor, lojas de capacetes na General Osório, q não sejam do roubauto?
Minha mãe me lembrou hj: há + ou - 1 ano e meio um vizinho nosso, motoboy na época, foi roubado a 3 quadras daqui de casa. Além da moto, quase deixaram ele pelado: jaqueta, capacete, galocha, mochila, luvas, tudo. Fico tensa em comprar uma jaqueta da Alpinestars, acho q vou dar um jeito de tapar os logotipos. Uma colega de trabalho, q mora aqui perto no Jd. Carumbé, Z/N de São Paulo, me alertou q usar jaco da Alpinestars e luva da Tutto é pedir p/ ser assaltada... Bom, quero comprar essas coisas em lugares corretos, sei q a General tem tudo, mas sou novata, ainda não sei separar o joio do trigo.

Obrigada desde já gente!

Realmente Camila, seu amigo tem razão, uma jaqueta da Alpinestars, é relativamente cara, agora pensa como o ladrão, ele vê uma mulher, em uma moto grande, e com uma jaqueta dessas, logo vai pensar que ela tem grana...e aí tá feito

Mas enfim, para as motos custom, esse indice diminui muito, pois dificilmente os ladrões vão para cima das customs, primeiro porque o mercado de customs é bem menor que o de motos de outros estilos, e segundo porque é bem dificil de ele dar um "perdido" na policia com uma moto que não passa em qualquer corredor. O que você pode fazer é mandar colocar um patch por cima da marca da jaqueta...

Quanto a lugares na General, você pode ir na General Motos, X Wing, Space, e na Soul Moto. Essas São lojas com melhores preços com nota. Você acha mais barato que nessas lojas na região, mas melhor não arriscar.
Não importa qual a sua moto, o vento é o mesmo para todos!
Imagem
Camila Roethig
Mensagens: 60
Registrado em: 01 Ago 2012, 03:12
Localização: São Paulo
Contato:

05 Nov 2012, 23:42

Oie Torres! Tudo bom?

É, já me coloquei no lugar dos carinhas q fazem correria aqui na quebrada, acho q eu seria assaltada no 1* dia q eu saisse um pouco + tarde, se bobear até sequestrada, como se eu tivesse grana, professora de escola pública: sem chance.

Eu quero essa jaqueta nem pela marca, mas pela qualidade, tenho tattoos nos braços e tórax, quero preserva-las com muito cuidado ^.^ Vou fazer isso mesmo, costurar patchs em cima dos logos, o q der p/ esconder vai...

Sobre a Intruder125 vejo muitos motoboys com ela, não como a CG, mas tem vááários por aqui...

Obrigada pela indicação das lojas, assim vou direto nelas, roubauto nem pensar
Valeu! ;)
torresbeto
Mensagens: 609
Registrado em: 27 Jun 2012, 20:57
Localização: São Paulo
Contato:

06 Nov 2012, 09:43

Camila Roethig escreveu:Oie Torres! Tudo bom?

É, já me coloquei no lugar dos carinhas q fazem correria aqui na quebrada, acho q eu seria assaltada no 1* dia q eu saisse um pouco + tarde, se bobear até sequestrada, como se eu tivesse grana, professora de escola pública: sem chance.

Eu quero essa jaqueta nem pela marca, mas pela qualidade, tenho tattoos nos braços e tórax, quero preserva-las com muito cuidado ^.^ Vou fazer isso mesmo, costurar patchs em cima dos logos, o q der p/ esconder vai...

Sobre a Intruder125 vejo muitos motoboys com ela, não como a CG, mas tem vááários por aqui...

Obrigada pela indicação das lojas, assim vou direto nelas, roubauto nem pensar
Valeu! ;)
Tudo bem Camila!

Exatamente isso, porém uma custom é muito menos visada, o pessoal sempre fica olhando, mas mais por admiração do que por querer levar sua moto embora, para você ter uma ideia, eu moro ali na casa verde, prox. da Eng Caetano alvares, uma das Avenidas de SP com maior indice de roubo de motos, e certa vez parei a minha Mirage ali num petshop dessa avenida, esqueci a moto com a chave no contato... :shock:

entrei comprei o que tinha de comprar e saí, quando vi a chave no contato foi um misto de choque e alegria, fiquei dando risada sozinho...

Enfim, mas mesmo assim, é bom precaver, compre a jaqueta, e mande colocar os patches, mas num lugar bom, porque como as jaquetas de cordura da alpinestars são 100% impermeáveis, pode ser que a costura do patch possa interferir nisso.

sim sim, tem varios motoboys de intruder, mas mesmo assim, e ela sendo uma 125, ainda é uma custom e o mercado para peças roubadas é bem menor.

a melhor coisa de ser apaixonado por moto custom, é que você pode ter desde uma intruder, uma mirage 250, até um Electra Glide que os ladrões não ficam em cima...Dá até uma tranquilidade quando precisa se parar na rua. Mas mesmo assim eu só procuro parar em estacionamento, não por medo de roubo, mas vai que um carro bate na moto e derruba, ou um motoboy coloca a moto praticamente em cima da sua...
Não importa qual a sua moto, o vento é o mesmo para todos!
Imagem
Responder