Mercado x Consumidor

Assuntos diversos relacionados ao motociclismo

Moderadores: Moderadores, Colaboradores, Administradores

Responder
cros
Moderador
Mensagens: 10394
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

20 Jul 2014, 22:34

Isso que o governo está fazendo, de tudo para incentivar a compra de veículo, é um desaforo e ainda se aproveita da ingenuidade das pessoas.

O pequeno agricultor mal consegue pagar suas dividas adquiridas na safra anterior, e quando tem um prejuízo na colheita os bancos lhe empurram mais dinheiro financiado.
Imagem
Hoje Falcon 2007
cros
Moderador
Mensagens: 10394
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

26 Ago 2014, 19:54

Senta que lá vem a história...

Hoje fui atrás de algumas peças para a CB 400 e pra Virago 535, no caso queria amortecedor para a 535, não dá pra se atirar nas duas mas vale a busca. E qual é a situação do mercado?

Péssima para os consumidores que são enganados, ludibriados pelas montadoras, seja de carro ou moto. Com a conveniência das lojas, pois ninguém mais quer ter estoque de peças, dizem que não tem saída e claro nem se preocupam em dar opção para quem necessita de peças de reposição.

As poucas opções ainda são chinesas, e eles enchem a boca pra dizer: só importado, antigamente peça importada era coisa fina, Made in Japan, ou Made in USA, amortecedores da TUX ou da Denshin coisa feita em fundo de galpão lixo mau feito e com acabamento de novatos.

Depois vem o motoqueiro chorar que não acha peças, que tem que encomendar e demora isso e demora aquilo. Se não ficassem fazendo o jogo das montadoras e trocando suas motos boas por brinquedo da Troll novo de plástico quem sabe hoje teriamos não só motos de qualidade como peças de reposição.

Depois a loja fecha porque não consegue pagar as contas vendendo só relação, óleo, pneu pra motoboy.

Agora chora, e não reclama porque roubaram tua moto para tirar peças.
Imagem
Hoje Falcon 2007
cros
Moderador
Mensagens: 10394
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

11 Jun 2015, 10:08

""Vendas de motos caem 16,8% em maio""
Agência Brasil

O número de motocicletas novas vendidas em maio chegou a 105.471 unidades, o que corresponde a uma retração de 16,8% em relação ao mesmo mês de 2014. Em comparação a abril de 2015, o recuo foi 2,5%.

No acumulado do ano, as vendas chegaram a 540.598 unidades, uma queda de 11,9% em relação ao mesmo período de 2014. Os dados, divulgados hoje (10), são da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares. A produção de motocicletas também recuou. Em maio, foram produzidas 119.280 unidades, 12,3% a menos em relação com o mesmo mês de 2014 (136.080 unidades). No entanto, em comparação a abril de 2015, o resultado corresponde a uma alta de 15,7% (103.061 unidades).

A produção acumulada de motocicletas no ano, de janeiro a maio, totalizou 582.528 unidades, volume 16,2% inferior ao registrado em igual período de 2014 (695.155 unidades). O resultado é o pior do setor desde 2005.

fonte: http://www.istoe.com.br/assuntos/semana/detalhe/422137_
Imagem
Hoje Falcon 2007
Responder