Moto custom 2017

Assuntos diversos relacionados ao motociclismo

Moderadores: Moderadores, Colaboradores, Administradores

Responder
Flaviosouza37
Mensagens: 2
Registrado em: 13 Ago 2017, 14:35

16 Ago 2017, 08:44

Bom dia,

sou novo no fórum e também nesse assunto sobre motos.

A muito tempo tenho o desejo de comprar uma moto e o único estilo de moto que me agrada são as custom, pesquisei um pouco esses dias mas fiquei em duvida em qual moto é recomendada. Pretendo comprar uma de 250 cc então pelas pesquisas que fiz as mais faladas são a mirage e a vblade, ontem vi a horizon da dafra e achei interessante também.
Acho que os melhores comentários que li são para a mirage, fiquei bastante animado com ela mas pelo que percebi pra comprar uma hoje só sendo usada.

Olhando a horizon ontem eu fiquei bastante interessado, vocês acham que é uma boa comprar uma horizon 0 km já que ela ainda é vendida em concessionarias ou comprar uma mirage usada? uma mirage poderia comprar por 10 mil mais ou menos, a horizon seria 17 mil mas seria 0 km, eu também não sei analisar o que é mais importante entre as motos pra escolher a melhor.

Gostaria de saber a opinião de vocês sobres quais opções eu teria, talvez tenha alguma moto custom 250 cc que eu não tenha visto e que é boa.
tor2
Mensagens: 98
Registrado em: 21 Jun 2016, 14:12
Localização: Londrina
Contato:

16 Ago 2017, 09:33

Bom dia Flávio,

Vai aí minha opinião:

Dentro desse universo da Custom, a emoção vale mais que a razão, assim se vc realmente curtiu algum modelo específico, este é o ideal para você!

Hoje Custom 0km só existe chinesas (Dafra, Shineray) e norte americanas (Harley, Indian).

As norte americanas são caras, tanto para comprar como para manter.

As chinesas tem um preconceito no mercado, e mesmo novas não tem aquela garantia de confiabilidade mecânica e nem de disponibilidade de peças.

a partir daí existe o mercado de seminovas e usadas.
Com R$ 17.000,00 vc consegue encontrar Honda Shadow 600 (até algumas 750), Yamaha Drag Star 650, que são motos MUITO bem conceituadas.
Considerando que você citou 250cc, encontra-se a Mirage, Virago e Muitas... Muitas outras. Essas já a preços partindo de R$ 5mil.
Na faixa das 250 há MUITO a se considerar, se vc prefere motor V2, se prefere um estilo mais "parrudo" como Mirage e Garrini, ou se prefere/aceita as monocilindrica (que tendem a custar menos e ter manutenção mais barata), e até se curte o visual mais despojado de uma Intruder, por exemplo.

Idade e Km rodados são menos importantes do que o estado geral da moto, e se o seu mecânico de confiança te recomenda adquirir essa moto (por aqui tive de descartar as FYM, Vblade, Garrini, e até mirage 650, Virago 535).

Eu dou preferência a motos Japonesas, as marcas não a toa construíram nomes fortes, certamente baseado na qualidade dos produtos.

Eu tenho uma Intruder 250, 1997 a pouco mais de 1 ano. Estou MUITO satisfeito.

Boa busca
Flaviosouza37
Mensagens: 2
Registrado em: 13 Ago 2017, 14:35

16 Ago 2017, 11:58

Bom dia Tor,

eu dou preferencia pras mais parrudas, essa garini eu não conhecia e gostei bastante do estilo dela, bastante encorpada, a principio como não entendo de motos eu busco uma que seja mais economica, que não seja visada e que a manutenção nao tao cara.

Você descartou essas motos por ser dificil fazer a manutenção delas no local que você mora?

tem mais custom 250 que você poderia me indicar?
tor2
Mensagens: 98
Registrado em: 21 Jun 2016, 14:12
Localização: Londrina
Contato:

16 Ago 2017, 14:50

Flaviosouza37 escreveu:
16 Ago 2017, 11:58
Bom dia Tor,

eu dou preferencia pras mais parrudas, essa garini eu não conhecia e gostei bastante do estilo dela, bastante encorpada, a principio como não entendo de motos eu busco uma que seja mais economica, que não seja visada e que a manutenção nao tao cara.

Você descartou essas motos por ser dificil fazer a manutenção delas no local que você mora?

tem mais custom 250 que você poderia me indicar?
Boa tarde,

Nas 250 há MUITAS opções, várias delas acabam até sendo similares entre sí:
Virago 250 e Kansas 250 são a mesma moto.
A Horizon 250 e a Shineray 250 nova tb são identicas no visual, mas tem especificação técnica mecânica um tanto diferente.
a Amazonas AME250 dizem ter o mesmo motor da Intruder 250. mas o visual é BEM diferente.
e por aí vai.
Abaixo vou contar da minha experiência na busca, e após algumas das 250 que considerei, todas vetadas pelo meu mecânico, algumas tem o argumento q me foi dado.

Intruder 250
Prós - Valor para aquisição - há unidades anunciadas por menos de R$5mil, em aparente bom estado
- Valor da manutenção - Em 1 ano, considerando correção de vários defeitos q a moto já tinha, e as preventivas gastei R$ 1.400,00 (incluindo 2 pneus)
- Disponibilidade de peças - várias peças tem combatibilidade (retentores) e as demais encontra no ML ou Aliexpress, a Concessionaria tb tem.
- e confiabilidade mecânica
- Monocilindrina - manutenção mais barata
Contras - Visual "comum" (a minha já estava customizada, e eu realizai mais algumas adequações)
- Monocilindrica - Ronco, visual, torque, várias coisas uma V2 tem a mais q uma mono.


Outras fortes concorrentes foram:

Mirage 250
Prós - Bicilindrica
- Estilo
Contra - histórico de falhas (muito comum pegar motos e darão grande gasto até estarem rodando bem)
- Não ser Japonesa (confesso q aqui tem um pouco de preconceito da minha parte)

Virago 250
Prós - Bicilindrica
- Estilo
- Confiabilidade mecânica
- Disponibilidade de peças
Contra - Preço de aquisição

Nessas 3 outro fator importante e comum às 3 é a dificuldade de achar uma em bom estado.

As citadas a seguir, todas tiveram um número limitado de unidades comercializadas, pode ser difícil encontrar algumas delas.
Vblade - o motor é fraco e peças são dificeis (parece que tem um lote de "novas Vblade" que tem a mecânica idêntica à Garrini, q seria BEM melhor)
FYM
Shineray
Shark
AME250
Garrini 250
Dafra Horizon

Veja qual estilo te agrada mais, o que o seu mecânico recomenda, e Bons ventos!!
SemControle
Mensagens: 924
Registrado em: 15 Mai 2015, 13:45
Localização: Santo André

17 Ago 2017, 10:25

bem, ai eu venho defender a mirage 250
na verdade não tenho o q defender, não tenho problemas, nem os famigerados problemas q tanto falam, q no meu dia a dia eu vi q falam apenas, e não vejo o embasamento pra argumentar......
de qq forma o q mais se fala depende do ano, as carburadas os saudosistas a idolatram e não tem problemas elétricos, a primeira geração das injetadas é muito recorrente o problema da posição da central eletrônica q acumula agua no chicote da central, e acaba oxidando e rompendo o pino, tem salvação e como evitar, a segunda geração dizem ter problemas com retificador, problema q dizem ter em todas as mirages com injeção eletrônica na verdade.....
eu apenas fiz uma manutenção corretiva e preventiva de coloca-lo na frente da moto de cara pro vento, seu local original não favorece muito a circulação do ar pra resfriar....muitos dizem q podiam pegar a moto zero e jogar fora o retificador q não prestava e colocar os mega power blaster ultra supra sumo de qq outra moto, tem uma lista sem fim de modelos, pois bem, nessa ilusão acabei pouco tempo depois de comprar a minha mirage comprando um desses, era tao supimpa q pelo tamanho já não cabia perfeitamente no local do original, dava pra montar la, mas montei na frente de qq forma, um dia resolvi testar pra entender algumas coisas q acompanhava pelo voltímetro q tenho no painel da moto.....
o retificador supimpa não chegava a fornecer nem 10A/h, achei estranho, se a moto já tem bateria de 12A, o retificador sofre pra carrega-la, coloquei o original pra testar, passou de 15A/h, então através de testes eu afirmo q o problema q todos adoram colocar na moto, não é problema....
o q ela sofre é nas conexões dos chicotes, com o tempo cria como se fosse uma isolação, e sensores começam a falhar, energia começa a não fluir, mas uma limpeza nos conectores vc resolve o problema de fato, sem colocar a culpa em peças boas.....
já tive umas 2 ou 3 vezes q atacar chicote e limpar, uma vez ligou a luz da injeção, fiz o teste das piscadas e peguei o código, fui direto no sensor, limpei e resolvido, outras 2 foram o atuador de marcha lenta q estava variando a lenta apenas, pouca coisa, limpeza no chicote e resolvido, da ultima posicionei pra evitar agua q escorre pela moto nas chuvas e parece ter sido a solução, faz muito tempo q não inventa nada......
Mirage preta 250cc 12/13
Lead preta 108cc 14/14
Responder