Moto X Familia

Espaço para mulheres discutirem o lado feminino do motociclismo

Moderadores: Moderadores, Colaboradores, Administradores

Responder
ipoiseh
Mensagens: 10
Registrado em: 14 Set 2010, 10:40

14 Set 2010, 10:46

Gente, sou nova aqui e estou pensando em comprar uma mirage 150 nessa sexta-feira.
O problema é que minha familia abomina ainda mais depois que minha prima caiu recentemente.
Sabe quando a gente realmente quer uma coisa?
Poiseh, moro em predio e estou pensando em comprar e deixar na garagem e ir aprendendo com meu namorado que tbm ñ gosta da ideia...
To sem emprego fixo e tenho que me desfazer do carro, pois a parcela eh muito alta.
A decepção e a confusão vão ser grandes, será que vale a pena?
Ingrid Poiseh
Adauto
Mensagens: 802
Registrado em: 03 Nov 2008, 16:35
Localização: São Paulo
Contato:

14 Set 2010, 11:43

Bem I.P, você está num forum onde todos gostam de moto. A resposta pra pergunta: vale a pena comprar uma moto, é sim. Agora, vale a pena pegar prestações estando desempregada, já é outra coisa.

Fiquei muito satisfeito quando comprei minha Mirage 250, valeu cada centavo. Mas eu estava numa situação estável.

Depois de comprar a moto, tem que ir nos passeios, happys, encontros, ai é que fica mais legal. Conhecer gente, trocar idéias, faz parte do pacote de comprar uma moto custom.

[]s,
Adauto
Imagem Imagem
ipoiseh
Mensagens: 10
Registrado em: 14 Set 2010, 10:40

14 Set 2010, 15:22

Que dar pra pagar dá, sou autonoma agora!
O real problema é se vale a pena esse afrontamento com a familia.
Alguem passou por isso? Como foi?
Ingrid Poiseh
Avatar do usuário
Edson Agostini
Mensagens: 1595
Registrado em: 16 Nov 2009, 12:46
Localização: Ibiúna
Contato:

14 Set 2010, 16:55

ipoiseh escreveu:Que dar pra pagar dá, sou autonoma agora!
O real problema é se vale a pena esse afrontamento com a familia.
Alguem passou por isso? Como foi?
Olá, Ih, Pois Zé! Apesar desse meu sobrenome ser muito conhecido no mundo motociclístico, através do titio Giacomo Agostini, 15 vezes campeão mundial de motovelocidade de outrora, minha família foi contra quando inventei de comprar minha primeira moto (em 1983). Diziam que moto é perigosa e eu respondia que viver é perigoso! Não quis nem saber e comprei assim mesmo. Quatro meses depois, bati num caro a 80 km/h e imagine os comentários negativos. Mas não adiantou, tá na veia, tá no DNA, indelével no meu cérebro. Hoje, ninguem mais me enche o "ocas", perceberam que são voto vencido diante da minha vontade. Vivo feliz respeitando as leis de trânsito, rodando com muita cautela e atenção. O prazer de pilotar não tem preço. Até!
ON THE ROAD AGAIN
dan_himself
Mensagens: 1657
Registrado em: 07 Mai 2010, 14:02
Localização: São Paulo
Contato:

14 Set 2010, 17:31

ipoiseh escreveu:Que dar pra pagar dá, sou autonoma agora!
O real problema é se vale a pena esse afrontamento com a familia.
Alguem passou por isso? Como foi?
Eu passei e passo por isso... Minha família sempre foi, é e será contra motos. Não tem nenhum histórico de acidente na família, ninguém nunca teve moto na família. Porém tenho pais médicos.
A primeira coisa que eu tive que entender quando realmente decidi comprar uma moto, foi que eu não teria que pedir a aceitação da família, pois isso não ia ocorrer, eu apenas estaria comunicando a eles minha decisão.
Além de que, quem vai estar em cima da moto serei EU e não eles.
80% da minha família não sabe que eu tenho moto. Mas eu gosto tanto de moto que pra mim isso não falou mais alto. Não vou preocupar minha avó de 85 anos falando que comprei uma moto.
E é aquele lance. Não tenho apoio nenhum da família em relação a moto. Seja financeiro, seja de compartilhamento de idéias (tipo: po, vi uma harley hoje linda)...
Minha paixão por motos falou mais alto. Eu não comprei ela como meio de transporte diário, comprei como lazer. Porém se eu for me prender pelas estatísticas mostradas pela minha família, é só eu mostrar quantas pessoas morrem de doença cardíaca por ano, quantos morrem atropelados e assim vai. O número é maior de quem morre em cima de moto. Eu tenho chance de morrer em cima de uma? Sim. Do mesmo jeito que tenho fazendo diversas outras atividades.
A moto é arriscada. É perigosa. Mas com responsabilidade da pra levar. Se você tivesse querendo uma super esportiva de 1100cc, sem experiencia nenhuma eu te chamava de louca, mas vc ta indo pelo caminho certo, pegando uma 150cc e custom pra começar...

Mas acho que no fim das contas, é a sua bunda no busão e a deles no carro... então se você quer uma moto e pode pagar, seja responsável e compre.
Apenas MINHA opinião...

Abraços,
DaN
"Quando eu morrer quero ser cremado. Dos vermes já bastam os que conheci em vida."
Jovi
Administrador
Mensagens: 7064
Registrado em: 17 Jun 2007, 12:46
Localização: São Paulo
Contato:

14 Set 2010, 19:33

Vixe família normalmente é contra... rsrsrsr

Agora vai de você...

Minha dica fica em, se comprar esqueça a pressão da família, pilote com segurança e concentrada em pilotar...

Pilotar pensando no que a Mãe disse: "Você vai cair!"

Acaba caindo... eu aterrorizei minha mãe... falei para ela que iria comprar a moto e se ela falasse que eu iria cair e eu caisse que a culpa seria dela... ela ficou quieta e não falou mais nada... rsrsrrs :twisted: :twisted: :idea: :idea:
Código de Trânsito Brasileiro, Art. 29, XII, § 2º. Respeitadas as normas de circulação e conduta estabelecidas neste artigo, em ordem decrescente, os veículos de maior porte serão sempre responsáveis pela segurança dos menores, os motorizados pelos não motorizados e, juntos, pela incolumidade dos pedestres.

[]´s Jovi
http://www.jovi.net.br
http://www.motoscustom.com.br
dan_himself
Mensagens: 1657
Registrado em: 07 Mai 2010, 14:02
Localização: São Paulo
Contato:

14 Set 2010, 19:41

joviman escreveu:Vixe família normalmente é contra... rsrsrsr

Agora vai de você...

Minha dica fica em, se comprar esqueça a pressão da família, pilote com segurança e concentrada em pilotar...

Pilotar pensando no que a Mãe disse: "Você vai cair!"

Acaba caindo... eu aterrorizei minha mãe... falei para ela que iria comprar a moto e se ela falasse que eu iria cair e eu caisse que a culpa seria dela... ela ficou quieta e não falou mais nada... rsrsrrs :twisted: :twisted: :idea: :idea:
É, isso ajudou também por esses lados...
"Quando eu morrer quero ser cremado. Dos vermes já bastam os que conheci em vida."
shagost
Mensagens: 324
Registrado em: 24 Mai 2009, 22:06
Localização: Carapicuí­ba
Contato:

14 Set 2010, 21:18

joviman escreveu: (...)
Acaba caindo... eu aterrorizei minha mãe... falei para ela que iria comprar a moto e se ela falasse que eu iria cair e eu caisse que a culpa seria dela... ela ficou quieta e não falou mais nada... rsrsrrs :twisted: :twisted: :idea: :idea:

Hahaha! Só no terrorismo com a mãe! Tadinha!
rsrs
Shagost
---------
"Se eu tiver que explicar, você não vai entender..."
ghost
Mensagens: 26
Registrado em: 10 Jun 2010, 16:44
Localização: João Pessoa
Contato:

14 Set 2010, 21:37

Esse negócio de familia é barra, eu em plena adolecencia com meus 46 anos, quando disse que iria comprar uma, depois de mais de vinte anos sem andar de moto, parecia que tinha assinado uma sentença de morte. Minha esposa e minha mãe ficaram contra só minha filha de 7 anos me apoiou. Se for isso que voce deseja va em frente e curta muito.
ipoiseh
Mensagens: 10
Registrado em: 14 Set 2010, 10:40

14 Set 2010, 22:30

valeu gente... estou bem mais aliviada!
Ingrid Poiseh
Responder