Dafra: Lançamento & Novidades

Motos: Dafra Kansas 150, Dafra Kansas 250, Dafra Horizon 250

Moderadores: Moderadores, Administradores, Colaboradores Dafra

Responder
gildalfer
Mensagens: 2384
Registrado em: 22 Jul 2008, 00:23
Localização: Osório
Contato:

08 Jul 2009, 09:52

Então, tá! A questão é meramente política. Fora as sujeiras que correm por baixo dos panos. Por que não denunciaram quando as primeiras chinesas foram instaladas? Afinal de contas, fazem a mesma coisa que a Dafra faz!

"O Brasil é o melhor lugar para se instalar um país"
Tio Giba
O encanto de viajar está na própria viagem (M.Quintana)
gildalfer
Mensagens: 2384
Registrado em: 22 Jul 2008, 00:23
Localização: Osório
Contato:

08 Jul 2009, 10:18

Comparando o mercado de motos no Brasil com o mercado de carros, estamos perdendo de 10 x 0 nos quesitos seriedade, qualidade, logística, pós-venda, etc...,Isto é, em todos os quesitos. :oops:
Tio Giba
O encanto de viajar está na própria viagem (M.Quintana)
Avatar do usuário
Rinabon
Mensagens: 1121
Registrado em: 28 Abr 2009, 17:48
Localização: São Paulo
Contato:

08 Jul 2009, 10:41

gildalfer escreveu:Então, tá! A questão é meramente política. Fora as sujeiras que correm por baixo dos panos. Por que não denunciaram quando as primeiras chinesas foram instaladas? Afinal de contas, fazem a mesma coisa que a Dafra faz!

"O Brasil é o melhor lugar para se instalar um país"
Concordo com você :!: :!:

Tem muito mais sujeira nisso tudo do que possamos imaginar, como sempre no Brasil é assim: envolve Político, alguém ta ganhando muita grana por traz das negociatas :oops: :oops: :oops:

Vergonhoso :!:
Rinabon
Viageiros MT
www.viageiros.org
Amizade não se mede em Cilindradas!!!
Michael Piders
Mensagens: 268
Registrado em: 22 Mar 2009, 11:23
Localização: Belo Horizonte
Contato:

08 Jul 2009, 11:32

Galo escreveu:
Espero que isso não esteja acobertando apenas o protecionismo das grandes e sim que estimule um investimento sério na produção nacional
sábias palávras digníssimo GALO!

Abraços,
Michael Piders
Mensagens: 268
Registrado em: 22 Mar 2009, 11:23
Localização: Belo Horizonte
Contato:

08 Jul 2009, 12:13

Caros COLEGAS,

desculpem por estar sendo tão reticente, é que o assunto também não se modifica!

O fato é que não pretendo defender nem mesmo acusar as chinesas, o problema a ser questionado é o seguinte:

Porquê que as montadoras estabelecidas aqui no Brasil a mais de 500 anos não providenciaram modificação na tecnologia e nos modelos a nós impostos até hoje?

Foi necessário um dilúvio de marcas e modelos chineses para que nós tomássemos conciência que existem outros "mundos" além do nipônico!

É a mesma coisa que aconteceu durante o governo COLLOR que somente após a abertura do mercado brasileiro aos veículos importados é que tomamos conhecimento do quanto a indústria nacional estava defazada!

Muitas marcas e modelos desapareceram até o dia de hoje, mas outros tantos se consagraram! É isso o que acontece agora! Se não fosse essa enchurrada de modelos chineses eu ainda estaria entocado na minha caverna da ignorância achando que uma TITAN KS é o ícone da satisfação e objeto de desejo de todo motociclista!

Percebo de forma muito positiva para o mercado brasileiro esta "invasão chinesa", pois, já vem provocando mudanças internas e reavaliações de mercado e do perfil do consumidor!

Devemos consumir aquilo que nos interessa e não o que nos é imposto pela indústria.

As niponicas ainda não perceberam a realidade do poder aquisitivo do povo brasileiro e permanecem com valores extratosféricos em seus produtos!

A nova 300cc da Honda é um exemplo disso. Mais de 13k por uma moto destas?!?! :evil:

É certo que é uma linda moto, mas, com essa grana dá pra comprar um carro usado em muito bom estado, isso, sem contar o custo do seguro que deverá ser pago, pois, no Brasil só os bandidos andam em segurança, logo logo os proprietários destas novas motos ficarão visados, pois, são motos realmente lindas e que chamam a atenção.

Por todos estes fatores, vejo de forma muito positiva esta intervenção no modelo arcaico do comercio de motos no mercado brasileiro.

Apesar de toda esta influência e com a constatação que a DAFRA vende a KANSAS como nunca se vendeu antes, ainda sim, a Honda e a Yamaha não tomaram nenhuma providência para atender este perfil de consumidor que busca por uma moto estilosa de baixa cilindrada e baixo custo, e, mesmo a Suzuki, estagnada no tempo, não modernizou em nada a INTRUDER que permanece com aspecto de moto dos anos 80!

Espero que todos possam se lembrar daqui a 5 anos deste momento histórico que estamos fazendo parte, ao ver nas ruas motos e modelos que sempre foram desconhecidos ou inacessíveis ou mesmo modelos que já existem e estão se tornando ultrapassados e que nunca foram comercializados aqui como é o caso da REBEL, saibamos entender que isso só foi possível devido a esta mudança que paradigmas que vivenciamos neste momento.

Portanto, peço que avaliem um pouco mais em termos mais amplos as implicações que trazem as chinesas neste momento, e que não sejamos cruéis e ás castiguemos e às desmereçamos por puro e simples preconceito.

É certo que exite muita coisa de baixa qualidade ou até mesmo falsificado de origem "Xing Ling", mas, nós também produzimos muita porcaria e somos qualificados como pritateadores de marcas em todo o mundo, portanto, estamos atirando pedras em telhado de vidro e nos esquecendo dos nossos!

Abraços,
claudiouberlandia
Mensagens: 9
Registrado em: 19 Jan 2009, 10:49
Localização: Uberlândia
Contato:

08 Jul 2009, 13:28

Desonestos sao os nossos políticos, infelizmente.

Comparar a quantidade de funcionários das fabricas HONDA E DAFRA é pura burrice ou propaganda que ele faz para si mesmo ou pra HONDA.

Em UMA COMPARACAO MAIS APURADA, Veremos que se a DAFRA tem 800 funcionários, conforme podemos verificar na em associacoes como a FENABRAVE, A HONDA fabrica 15 vezes mais motos do que a Dafra, Então ela tem que ter aproximadamente essa quantidade a mais de funcionários.

PURA MATEMÁTICA Sr. Senador.
Galo
Mensagens: 526
Registrado em: 07 Jul 2009, 10:34
Localização: Rio de Janeiro
Contato:

08 Jul 2009, 13:31

"Se Cabral chegou aqui de Honda, boa coisa não é!"

hehehhehehhehe

Brincadeiras a parte entendo e concordo em parte seu ponto de vista.

O problema é que sempre chegamos à mesma questão!
A falta de seriedade dos empresarios e politicos brasileiros.

Acho que mais que a invasão asiática, as mudanças do mercado são devido ao promot 3.

Uma solução seria o governo reduzir os tributos, até pq são mal aplicados mesmo, para as motos (de todas as cilindradas!) Redução do IPI não so essa micharia do Cofins.
Incentivar as com maior grau de nacionalização e investimentos.

Mas corremos o serio risco de isso se converter em lucro dos empresarios e não surgir nada de novo e melhor.

Sem querer me alongar muito chego a triste conclusão:

Não interessa se Japonesa, Koreana, Americana, Chinesa ou Indiana. O grande Buraco ta na falta de competencia e seriedade dos Empresarios Brasileiros que gerem elas aqui no Brasil
Colorado, Gaúcho e Motociclista
Avatar do usuário
marxluz
Mensagens: 18
Registrado em: 07 Abr 2009, 13:39
Contato:

08 Jul 2009, 14:45

concordo com o Michael Piders,

não tenho nenhuma informação concreta sobre o que vou dizer, mas acredito que nem mesmo a própria Honda desembarcou no Brasil produzindo suas motos aqui, tudo era importada até que fosse amadurecendo, o que também poderá e irá acontecer com as atuais importadoras de motos chinesas e indianas se conseguirem se manter no mercado, e lembro que no auge da Sundown, ela teve uns problemas com o escapamento da HUNTER 90, e a Sundown optou por trocar o fornecedor do escapamento por um nacional

tudo é questão de tempo, e considerar as importações como problema para geração de empregos, o brasil nunca será globalizado e o mercado iria se inflacionar.
Avatar do usuário
DPC
Mensagens: 35
Registrado em: 07 Jun 2009, 17:53
Localização: Rio de Janeiro

08 Jul 2009, 15:59

Concordo com o Michel, Galo, Claudio etc.. O problema é real, a DAFRA está começando a ameaçar esta higiemonia nipônica, claro que vai demorar. O Brasil, todos sabem que tem potencial para absorver qualquer tipo de indústria, e que os brasileiros estão preparados para consumir os mais variados produtos. Concorrência e preços justos são bem aceitos por nós brasileiros. Alguns exemplos foram citados como : a industria automobilista da era Color de Melo, as industrias de telefonia (lembra-se do tel celular tijolão que poucos tinham, hoje todos nós temos celulares). Porque não mais industrias de motocicletas? Quantos as politicos, todos sabem, não escapa ninguem, todos safados e corruptos.
Danilo P. Carlos
ex kansas 150
ex virago 250 97 preta "Alciana"
atual Dragstar 2008 "Odisséia"
Celito
Mensagens: 5
Registrado em: 22 Jun 2009, 15:40
Contato:

08 Jul 2009, 16:22

Tinhamos até cerca de 20 anos atrás apenas duas marcas de motocicletas,ai estava tudo bem,hoje que o mercado se abre para outras tantas,com possibilidade de preços para o nosso povão,essas mesmas que monopolizaram o comércio de motos no pais,começão a berrar,rsss. Então façam diferente,procurem tecnologias que abaixem custos,dê ao povão a oportunidade de poder comprar suas motos zero nas concessionarias e parem de reclamar.
É isso ai DAFRA,SUSUKI,e outras tantas,cheguem chegando e acabem com o monopólio.


Kansas 150
Responder