Virago 250: Dúvidas gerais

Motos: Yamaha Virago, Yamaha Drag Star, Yamaha Royal Star, etc.

Moderadores: Administradores, Moderadores, Colaboradores Yamaha

Responder
advaldo
Mensagens: 8
Registrado em: 12 Fev 2016, 13:15
Localização: Poços de Caldas

18 Fev 2016, 15:51

Desculpe, não entendi, como ligar as pontas dos fios?
Fazer um jumper nos dois conectores que vão para o circuito elétrico?
Avatar do usuário
cros
Moderador
Mensagens: 10156
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

18 Fev 2016, 15:57

advaldo escreveu:Desculpe, não entendi, como ligar as pontas dos fios?
Fazer um jumper nos dois conectores que vão para o circuito elétrico?
Sim, fechar um curto entre eles.
Não sei como funciona esse sistema, pois nunca mexi nele, mas creio que quando se preciona o manete ele deve fechar o circuito (curto circuitando as pontas)

E no pézinho deve ser o mesmo, pé baixado circuito aberto, pé recolhido em curto!
Imagem
Hoje Falcon 2007
advaldo
Mensagens: 8
Registrado em: 12 Fev 2016, 13:15
Localização: Poços de Caldas

24 Fev 2016, 16:05

Cros, desculpe a demora.

Como funciona os sensores da embreagem e do descanso lateral:
Embreagem: ele fecha curto quando acionado, ou seja, se a embreagem NÃO está acionada, ele está aberto.
Descanso lateral: com o pezinho levantado está fechado, com o pezinho abaixado está aberto

Teste:
Despluguei os dois plugues desses sensores e fechei um "jumper" nos dois, fechando o circuito.

Conclusão:
A moto pega na partida estando no neutro normalmente.
Engatada não dá nem sinal de partida.

Testei os dois sensores separados fazendo o teste de continuidade com um multímetro e os dois "aparentemente" estão funcionando corretamente.

Alguma sugestão do que mais possa ser?
advaldo
Mensagens: 8
Registrado em: 12 Fev 2016, 13:15
Localização: Poços de Caldas

27 Fev 2016, 13:34

* * R E S O L V I D O * *

O problema estava no diodo mesmo, como não existe diodo no chicote, então cavei mais fundo.
Vendo o diagrama elétrico, encontro o diodo dentro do "conjunto de rele" onde retirei ele, mesmo sendo blindado consegui abrir, dentro existe 4 diodos, 1 resistor e 1 rele.
Medi os diodos e um deles não estava conduzindo, troquei, espetei na moto e ligou de primeira.
Fechei, vedei com cola quente e agora só curtir.

Localização do rele na moto: fica na lateral direita, junto a caixa de ferramentas.
Obs: R$ 414,00 é o preço da peça na concessionária.

Obrigado a todos e em especial ao amigo Cros que me ajudou.

Abraços.
Avatar do usuário
cros
Moderador
Mensagens: 10156
Registrado em: 15 Nov 2007, 23:55
Localização: Porto Alegre
Contato:

27 Fev 2016, 13:59

advaldo escreveu:* * R E S O L V I D O * *

O problema estava no diodo mesmo, como não existe diodo no chicote, então cavei mais fundo.
Vendo o diagrama elétrico, encontro o diodo dentro do "conjunto de rele" onde retirei ele, mesmo sendo blindado consegui abrir, dentro existe 4 diodos, 1 resistor e 1 rele.
Abraços.
Que complicado, um relé só pra abrir e fechar um interruptor??!!!!
Imagem
Hoje Falcon 2007
advaldo
Mensagens: 8
Registrado em: 12 Fev 2016, 13:15
Localização: Poços de Caldas

04 Mar 2016, 15:01

Pois é Cros, um desses 4 diodos não estava conduzindo para nenhum dos lados, ao substituir, funcionou de primeira.
Felipe Silva
Mensagens: 1
Registrado em: 06 Mar 2016, 06:38
Localização: Fernandes Pinheiro

06 Mar 2016, 06:46

Olá galera, beleza? Sou novo aqui no fórum, estou com um probleminha no miolo de igniçao da minha viraguinho, buscando em outros topicos descobri que o miolo da Ybr da certo, porém quando fui abrir pra trocar, nao consegui retirar o miolo original, nao desprendia daquele ¨tambor¨. Alguem já conseguiu tirar esse tal miolo?
BetoCB
Mensagens: 740
Registrado em: 22 Nov 2009, 19:55
Localização: São Paulo

06 Mar 2016, 19:46

Ja ouvi relatos sobre esse intercambio mas falavam que trocava tudo, ou seja, tira todo o tambor da virago e coloca todo o tambor da ybr
Quer saber se há vida após a morte? Mexa na minha moto.
Romani
Mensagens: 4
Registrado em: 05 Out 2016, 09:52
Localização: Bragança

05 Out 2016, 11:37

Olá pessoal, tenho uma virago 250 ano 2002. É a minha primeira moto, e como tal, tenho pouquíssima experiência no mundo das duas rodas. Preciso de informações e gostaria que vocês me ajudassem. Preciso trocar a bateria, uma Yuasa. Gostaria de saber a opinião de vocês sobre a bateria moura MV11 ela tem as mesmas especificações da yuasa e o pessoal da concessionária yamaha vende essa bateria para a viraguinho. Sei que a yuasa é a mais recomendada, porém não a tenho na minha cidade e só conseguiria pela internet o que levaria mais de 10 dias para recebê-la, enquanto a moura eu consigo comprar na minha região.

Outra pergunta: Tenho a moto há dois anos, com 14.000 km rodados e nesse tempo não fiz nenhuma manutenção na bateria yuasa. Essas baterias da yuasa precisam de manutenção ou não? Se puderem dar uma orientação pra este iniciante ficaria grato.
BetoCB
Mensagens: 740
Registrado em: 22 Nov 2009, 19:55
Localização: São Paulo

07 Out 2016, 20:30

Ola Romani, normalmente a bateria Yuasa é com manutenção, ou seja, voce precisa vreificar o nivel da agua periodicamente e se for o caso completar. Vai trocar a bateria por que? Se for apenas pelo tempo decorrido e ela ainda estiver boa, continue com ela fazendo apenas uma verificação e se precisar completar coloque apenas agua filtrada.Mas se sua bateria chegou ao fim va de moura pois tambem é uma boa marca mas não vai durar como uma yuasa.
Quer saber se há vida após a morte? Mexa na minha moto.
Responder