Vulcan 750: Motor

Moto: Kawasaki Vulcan

Moderadores: Administradores, Moderadores, Colaboradores Kasinski, Colaboradores Kawasaki

adaptafuscas
Mensagens: 1
Registrado em: 23 Nov 2012, 23:54
Localização: Bragança Paulista

23 Nov 2012, 23:57

fausto.salomao escreveu:Olá, Pessoal... sou novo aqui no fórum, e gostaria de uma ajuda de vocês...
Estou reformando uma Vulcan 750 - 1998/98, ela esta fundida e com as bielas e o virabrequim todo fud....,
então, consegui comprar o virabrequim e as bielas em ótimo estado, mas não estou conseguindo comprar os pistões, ela já estava com os pistões 0,50, mas como arranhou as camisas, eu terei de retificar as camisas e passar para 1,0 milimetro, portanto não acho os pistões aqui no brasil, já liguei em diversas lojas, mas ninguém me da uma luz..., então eu peço aos amigos uma sugestão onde eu possa encontrar estes pistões ou se existe algum pistão de outra moto compatível..... Muito Obrigado...

amigao seus pistoes e aneis 0,50 estao bons ainda pois estou precisando de um jogo, se caso estiver bom vc venderia eles, grato!

wilgoliveira
Mensagens: 20
Registrado em: 27 Ago 2015, 09:30
Localização: Guarulhos
Contato:

27 Set 2015, 22:55

Boa noite pessoal.
Quero compartilhar com vcs uma solucao simples que encontrei para resolver definitivamente as batedeiras de corrente de comando na Vn750.
Bem, como no tópico que criei para solução de partida quente na vulcan 750, também fiz uma pesquisa para entender e resolver o problema de corrente de comando batendo.
Vamos lá, após analisar o motor da moto notei que ela utiliza de uma tecnologia bem particular, 4 correntes de comando neste motor, se forem curiosos saberão que tem mais duas correntes alem dessas dentro do motor mas é outro assunto.
Ok vamos lá como são 4, sendo 2 para cada cabeçote; Essas corretes estão dispostas da seguinte forma: uma parte do virabrequim e se encontra com outra da metade do cabeçote até o comando e é exatamente por causa desta junção que ocorrem as batidas, e pq ocorrem? Simples! São unidas por uma dupla engrenagem que fica bem no meio do caminho entre elas, e onde está o problema? No tensor, que infelizmente não suporta o peso de tanta coisa funcionando ao mesmo tempo. Este tensor utiliza um sistema de espiral com carga de mola, ou seja ele vai roscando um eixo para frente pela força de uma molinha de aço, o tensor bate porque a trepidação do motor junto com o peso de duas correntes a engrenagem e as guias das correntes forção a espiral que acaba por deixar uma pequena folga causando as batidas.
Como solucionei desmontei o tensor e retirei as partes móveis e as tornei fixas, bem ele e composto pela carcaça em si, uma especie de pistão que esta preso a uma arruela de apoio, que estão fixos a carcaça por um anel de aço, isso tudo vocês verão por fora da peça ok, retirem o anel que segura esse pistão a mola vai descarregar a pressão dela, desrrosqueie o pistão totalmente do eixo espiral que o empurra pra frente. O que precisaremos serão só as peças externas, remonte o pistão na carcaça mas sem as peças de dentro do tensor, atrás do tensor tem um parafuso 10mm, vocês precisaram encontrar um parafuso de rosca o suficientemente longa com o mesmo tipo de rosca da carcaça para empurrar o pistão para frente até encostar nas guias dentro do motor o que sobrar para fora do parafuso deve ser cortado e coloquem uma arruela com borracha para vedar e uma contra porca para travar, deixem um pouquinho de parafuso para ir ajustando com o tempo serão justes de 1/6 ou 1/8 de volta como esse parafuso será uma especie de pino fixo até o tensor não terá folga, então e s ligar o motor e ir rosqueando com a mão o parafuso para não forçar as guias internas, vá ajustando até silenciar as correntes, aperte a contra porca e pronto. Com o tempo se ouvir uma batidinha frouxe a contraporca e ajuste mais um pouquinho, assim por diante.
Espero que eu tenha conseguido passar a idéia direito.
Bem fiz na minha moto já tem uns 4 meses e solucionei o problema, obviamente terei que ajustar manualmente, porém como os ajustes são muito simples de fazer eu particularmente não vejo problemas.
Obs: para remover e fazer a mudança no tensor do cilindro de trás será necessário remover o reservatório de água, cuidado o a sobra de parafuso para este tensor tem que ser menor por causa do reservatório que quase encosta no tensor.

Abraço pessoal e boa sorte, se tiverem duvidas postem que eu respondo.
Vlw

wilgoliveira
Mensagens: 20
Registrado em: 27 Ago 2015, 09:30
Localização: Guarulhos
Contato:

24 Jan 2016, 18:43

Ola pessoal.
Estou aqui pra passar para todos uma solução definitiva para as batidas da corrente de comando das VN'S.
Descobri que os tensores projetados para essa moto não aguenta o peso das correntes e acaba por bater.
O que fiz foi desmontar os tensores e retirar a espiral e a mola deixando apenas o "pistão" e após remontá-lo movamente coloquei um longo parafuso para empurá-lo para frente fazendo o trabalho da molinha que foi retirada.
Ajustei suavemente com uma chave sem apertar muito somente o necessârio para silenciar cortei oque sobrou do parafuso após uma contra porca para travar e pronto deixei uma pequena sobra de parafuso para um futuro ajuate e pronto adeus batidas.
Vlw pessoal

Rccustom
Mensagens: 2
Registrado em: 05 Fev 2018, 10:16

05 Fev 2018, 10:25

jbrigagao escreveu:
05 Jun 2012, 13:12
Tente a loja do link abaixo, é uma loja na Alemanha que tem um grande estoque de peças para motos mais antigas. Eu comprei algumas peças lá e entregaram tudo corretamente. Você vai precisar do partnumber do pistão para poder cotar o preço. Boa sorte.

http://www.kfm-motorraeder.de/cms/en/ge ... pare-parts
Bom dia, quanto tempo mais ou menos leva para receber as pecas da Alemanha:

Avatar do usuário
jbrigagao
Moderador
Mensagens: 1619
Registrado em: 05 Jan 2008, 15:16
Localização: São Paulo

20 Fev 2018, 23:36

Chega no Brasil em 7 dias em media, mas ai vai depender da boa vontade da nossa fiscalização aduaneira que pode levar mais uns 40 dias.
Imagem

Helio Guimaraes
Mensagens: 1
Registrado em: 14 Nov 2015, 12:12
Localização: Niterói

10 Jun 2018, 20:41

Tenho uma Vulcan 750 1997, e estou com muita dificuldade de encontrar um mecânico que queira mexer nela, so encontro mecanico que mexa em moto injetada, mesmo fornecendo as peças que realmente não são fáceis de encontrar, principalmente peças novas nenhum quer mexer mais em moto carburada.
O ultimo mecânico que mexeu nela botou ela funcionando porém me falou que a bobina estava já meia boca, mas ela ficou funcionando. Ontem fui a um mecânico para concertar o pisca da seta . Na hora de dar a partida a moto não pegava mais, descarregou a bateria e começamos a especular o que poderia ser. Verificamos que as velas do cilindro trazeiro estavam molhadas de combustível e tinham os eletrodos mais fechados que os dianteiros. Alias fechado pelo mecânico que colocou ela em funcionamento. Colocamos velas novas com abertura padrão e ela pegou mas falhando. Depois disso a bateria arriou e não pegou mais. Acabei de comprar no ebay um par de bobinas novas para ver se resolve. Vou colocar uma bateria nova tambem, acho que vou seguir as informações sugeridas nesse formum para resolver o problema de partida a quente, mas preciso de alguem que faça o serviço.
Alguem conhece um mecanico aqui em niteroi ou no Rio de Janeiro que possa resolver esse problema?
Agradeço as indicações.

Helio Guimaraes

Responder
  • Informação
  • Quem está online

    Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante