Customização, polícia e CTB

Projetos de customização e acessórios

Moderadores: Moderadores, Colaboradores, Administradores

Responder
montez85
Mensagens: 10
Registrado em: 20 Jan 2014, 09:33
Localização: Garopaba
Contato:

23 Fev 2014, 03:40

Olá,


Nos últimos dias passei por uma situação muito chata: passando em frente a uma blitz, fui parado por um oficial, alegando que meu farol estava desligado e de fato estava. O oficial começou a checar TUDO em que poderia me multar, e como era de se esperar, encrencou com o escapamento duplo da minha Intruder 250 (mesmo estando com abafador). Perguntei ao oficial se poderia reduzir o som do escapamento e continuar com esse escape de saída dupla, e a resposta foi positiva. Eu precisaria regularizar a moto e voltar até esse policial para reaver meus documentos. Arrumei um abafador que foi instalado por cima do abafador original e o som da moto ficou muito mais silencioso do que já estava. Procurei a viatura do policial que me autuou, mas quem me atendeu foi outro oficial, que disse que minha moto ainda estava irregular (mesmo depois de abafar praticamente que por completo o som) mas mesmo assim ele iria me liberar, mas me alertou que eu seria parado novamente por outros oficiais e que se eu não troca-se o escape eu sempre teria problemas. Durante a conversa, ele me informou, que alterações em pisca, farol, escape, etc que não sejam o original, são proibidas por alterar as especificações originais da moto.

Foi ai que me entristeceu pois só comprei essa Intruder pra poder modificá-la (coisas não muito drásticas como: pisca, lanterna traseira (a original da Intruder é horrorosa), pintura, guidão, comando avanãdo, alforges, sissy bar (imagino que se o policial quiser ele possa afirmar que não pertence a moto quando sai de fábrica)entre algumas outras coisas. Sabem me dizer com precisão o que é permitido alterar/modificar e o que não é ou até a lei me apararia para que não seja abordado toda hora cada dia por um item diferente?
torresbeto
Mensagens: 609
Registrado em: 27 Jun 2012, 20:57
Localização: São Paulo
Contato:

23 Fev 2014, 12:38

Então cara, é que vc pegou um cara muito chato, porque na maioria dos casos os caras nem ligam, eu ja fui parado com a 883 com escapamento aberto fazendo um barulho infernal e o cara só pediu documento e dispensou...
Não importa qual a sua moto, o vento é o mesmo para todos!
Imagem
hvidal
Mensagens: 36
Registrado em: 03 Set 2008, 15:34
Localização: Niterói
Contato:

24 Fev 2014, 10:17

Muito estranho, tirando a questão do barulho, que realmente é motivo de problemas, você ter um pisca diferente, ou paralama, desde que não descaracterize a moto, não é motivo nenhum para problema.. pisca é pisca e pronto, se ele cumpre a sua função, não interessa o formato.

Eles queriam te arrancar é dinheiro pelo jeito.. da uma lida no CTB para argumentar numa situação dessas.
SUZUKI Boulevard M800
Honda SoMbRa 600 (Patroa)
Ex: Daelim VC 125 200cc Extra-Custom
dom.arcanjo
Mensagens: 322
Registrado em: 15 Jun 2009, 23:08
Localização: São Paulo
Contato:

24 Fev 2014, 11:42

Acho que você deu azar. dos grandes.
Na região que você mora o que mais tem é moto Custom com algum tipo de alteração. Posso afirmar pois vou pra SC de duas a quatro vezes por ano. E o pessoal que conheço nunca teve problemas com a policia local. Geralmente eles param quem tem placa de fora, como meu caso, mas geralmente pedem documentos e estando tudo em ordem, eles liberam sem problemas.
Na meia idade, a experiência é tão importante quanto a novidade.
http://www.vulcanriders.com.br/
RenanSP
Mensagens: 1063
Registrado em: 15 Jun 2011, 18:32
Localização: São Paulo
Contato:

24 Fev 2014, 11:52

Brother,

Eu acho que você foi "sorteado" com esse guarda marreco aí.

Realmente o cara tá querendo achar "pelo em ovo" na tua moto, até mesmo a questão do escapamento, ele só pode implicar no meu ponto de vista, se descaracterizar muito a moto, e passar do limite de barulho (para cidades que têm isso) e o guarda estiver com o aparelho adequado para medir.

Se for nesse raciocinio das setas, nem CG pode circular na rua, seta é seta e ponto final!

Essa situação me lembrou o ocorrido com outro colega aqui do fórum, que salvo engano apreenderam a Vulcan dele por não ter cinto de segurança. :lol:

Mas tem guarda que é criquento mesmo, eu estou urgente precisando reemplacar a minha, pois a placa original rachou e coloquei uma chapa de metal com rebites por trás como reforço, já me disseram que é motivo o suficiente para apreenderem a moto.
"I wish not the doctrine of ignoble ease, but the doctrine of the strenuous life."
hudson nilo
Mensagens: 7
Registrado em: 11 Jul 2010, 17:24
Contato:

24 Mai 2016, 11:48

http://g1.globo.com/carros/noticia/2011 ... rodas.html
Resoluções 292, 319, 384 e 397 do contran.
Responder